Ninguém vai entender o cansaço de uma mãe, até se tornar uma!

Todos os dias, as mães enfrentam uma rotina diária com o cansaço. Levantar cedo para fazer as tarefas de casa, trabalhar e cuidar da família. Essa rotina começa a se tornar cada vez mais intensa e desgastante; mesmo que esteja fazendo por amor, não tem como evitar o desgaste físico.

Então, como as mães podem amenizar esse cansaço?

Um dos primeiros passos para uma mãe ficar mais “leve”, é saber dividir o peso das atividades. As vezes é difícil distribuir as tarefas, porque acreditamos que ninguém fará como nós, pode até ser verdade, mas essa distribuição entre a família, não só possibilita um tempo para você como também, ensina e mostra o quanto é cansativo e importante a conclusão dos deveres e cuidados domésticos. Adotando uma postura mais colaborativa na família, não haverá cansaço excessivo e nem estresse.

Mas quando a mãe é a única provedora do lar, o que fazer?

O criar não é um ato solitário, mesmo que seja a realidade de muitas famílias brasileiras. Há muitas mães que moram próximas uma das outras e se veem sozinhas na criação dos filhos e nas tarefas. Hoje, uma das tendências é a criação comunitária, em que mães se encontram, próximo às suas residências e compartilham experiências entre elas, criando vínculo e ajudando uma às outras na orientação familiar.

É importante saber reconhecer a ajuda dos outros, mas tudo depende de como vamos lidar com a situação. Isso se torna um ato importante, porque a realidade das mães do século XXI é serem provedoras do lar e super heroínas, fazendo as esquecer que são mulheres e que podem errar e sofrer.

Portanto, nos momentos difíceis, não fique com raiva e nem entre em desespero. Há uma mãe na mesma situação, próxima de você e se puder contar com os familiares, melhor ainda.

Lembre-se que as coisas não mudam do dia para o outro, um passo de cada vez para alcançar a tranquilidade. Até lá, aproveite os momentos de alegria com sua família, colegas de trabalho e se conseguir tire um tempo para você fazer coisas que goste.

A quanto tempo você não é mulher?

Não estamos nos referindo a questão sexual e sim, ao cuidar de você, a fazer do que gosta como um dia de beleza, um passeio no parque ou até mesmo ler um livro.

A vida só é perfeita quando encontramos o equilíbrio entre todas as fases em que vivemos, nem tudo tem que ser perfeito, errar é aceitável.
Seja mãe, seja esposa, seja filha e seja mulher, mas seja feliz hoje.

Momento DTC – Juntos com você!